Devolução do Auxílio Emergencial: cobrança começa no fim de semana

Em nota, o Ministério da Cidadania informou na última semana que, cerca 2,6 milhões de Brasileiros receberam indevidamente parcelas do Auxílio Emergencial. O Governo Federal notificará essas pessoas por SMS, que começam a ser enviados ainda neste fim de semana.

Estimamos que, se cada cidadão que recebeu indevidamente devolver pelo menos uma parcela, os cofres públicos recuperará cerca de 1,5 bilhão de reais.


O Governo Federal ainda informou que enviará cerca de 4,8 milhões de mensagens de texto, entre cobranças e lembretes de pagamento.

A operação de disparo das mensagem, custou mais de 160 mil reais ao Governo e a estimativa de recuperação de valores está acima de 800 milhões de reais.

Cuidado com fraudes!

O site oficial para a emissão da guia para devolução (GRU) é devolucaoauxilioemergencial.cidadania.gov.br/devolucao , deste modo, atente-se às tentativas de fraude que poderão acontecer durante este processo. No início da pandemia, as fraudes digitais tiveram um aumento substancial, devido aos cadastros para programas de Governo, vulnerabilidade das pessoas menos habituadas aos serviços digitais e perspicácia dos criminosos.


Quem receber o SMS deve entrar no site do Ministério da Cidadania para receber as instruções e realizar a devolução. O procedimento ocorrerá unicamente pelo endereço .


Os brasileiros que forem notificados e não realizarem a devolução do dinheiro podem ser enquadrados na lei art. 2º da Lei n.º 13.982/2020 e responder criminalmente pelo ato.


2020 - Casa do Celular Autorizada Vivo. CasaLab Comunicação e Marketing